Um total de 30.840 litros de cerveja foram apreendidas durante abordagens de auditores fiscais da Receita Estadual de Linhares. A apreensão resultou em mais de R$ 120 mil em autos de infração. As ações aconteceram com interceptação de veículos que faziam o transporte irregular das mercadorias. Dois veículos foram abordados. O primeiro tinha 13.800 litros de cerveja transportados sem documentação fiscal, o que resultou em uma multa de R$ 52.522,80. No segundo veículo abordado foi identificado o transporte sem documento fiscal de 17.040 litros de cerveja. Neste caso, a autuação foi no valor de R$ 68.321,80. A fiscalização mira a circulação irregular de cerveja no norte do Espírito Santo e é realizada pela Secretaria de Estado da Fazenda (Sefaz). O gerente fiscal da Sefaz, Bruno Aguilar, explicou que a região recebe muitas denúncias de irregularidades praticadas no comércio de cerveja, em especial material que vem do mercado da Bahia e de Sergipe. "Na maioria das vezes, o produto entra no Espírito Santo sem documento fiscal ou com documento fiscal inidôneo, portanto, sem o recolhimento do ICMS. Sonegando tributos, e prejudicando os contribuintes que atuam de forma regular", destacou. O secretario complementa dizendo que estão "sempre atuando para que os impostos devidos ao Estado não sejam sonegados. Os comerciantes legalmente estabelecidos não podem ser prejudicados, e nem os cofres públicos”. As ações têm contado com o apoio da Polícia Rodoviária Federal e, no caso específico de uma das interceptações, com o apoio da Polícia Civil do Espírito Santo. Além das ações de fiscalização, os auditores também dão orientações aos contribuintes abordados.
Polícia

Mais de 30 mil litros de cerveja irregular são apreendidos em Linhares

A apreensão é resultado de abordagens realizadas na última semana. Dois veículos com a mercadoria sem notas fiscais foram abordados.

Um total de 30.840 litros de cerveja foram apreendidas durante abordagens de auditores fiscais da Receita Estadual de Linhares. A apreensão resultou em mais de R$ 120 mil em autos de infração. As ações aconteceram com interceptação de veículos que faziam o transporte irregular das mercadorias.

Dois veículos foram abordados. O primeiro tinha 13.800 litros de cerveja transportados sem documentação fiscal, o que resultou em uma multa de R$ 52.522,80. No segundo veículo abordado foi identificado o transporte sem documento fiscal de 17.040 litros de cerveja. Neste caso, a autuação foi no valor de R$ 68.321,80.

A fiscalização mira a circulação irregular de cerveja no norte do Espírito Santo e é realizada pela Secretaria de Estado da Fazenda (Sefaz). O gerente fiscal da Sefaz, Bruno Aguilar, explicou que a região recebe muitas denúncias de irregularidades praticadas no comércio de cerveja, em especial material que vem do mercado da Bahia e de Sergipe. “Na maioria das vezes, o produto entra no Espírito Santo sem documento fiscal ou com documento fiscal inidôneo, portanto, sem o recolhimento do ICMS. Sonegando tributos, e prejudicando os contribuintes que atuam de forma regular”, destacou.

O secretario complementa dizendo que estão “sempre atuando para que os impostos devidos ao Estado não sejam sonegados. Os comerciantes legalmente estabelecidos não podem ser prejudicados, e nem os cofres públicos”.

As ações têm contado com o apoio da Polícia Rodoviária Federal e, no caso específico de uma das interceptações, com o apoio da Polícia Civil do Espírito Santo. Além das ações de fiscalização, os auditores também dão orientações aos contribuintes abordados.

Dobre seu capital em 30 Dias!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *