SAÚDE

VÍDEOS NÃO DEIXE DE VER CORONAVIRUS CHOCANTES PELO MUNDO – 70% da Alemanha pode ser contaminada pelo coronavirus, afirma Angela Merkel; e giro pelo mundo

A chanceler da Alemanha, Angela Merkel, disse em uma conferência sobre o novo coronavírus que autoridades de saúde do país acreditam que entre 60%-70% da população alemã poderá ser infectada pelo Sars-Cov-2 em algum momento. (Continua).

  “Estamos em uma situação em que não sabemos muitas coisas, e o que não sabemos, precisamos levar a sério”, disse Merkel.

Destaques desta quarta-feira às 11h20:

  • Governo da Itália não descarta adoção de medidas mais restritivas por causa do coronavírus

  • Banco da Inglaterra reduziu a taxa de juros para conter perdas pelo coronavírus

  • governo italiano vai destinar 25 bilhões de euros para combater a epidemia

  • Um encontro do G20 foi adiado como medida de proteção

  • Levantamento de universidade norte-americana diz que há 121.061 casos no mundo

  • Até o momento, há 4.369 mortes registradas, a maior parte na China.

    Na Espanha a região da Catalunha proibiu, eventos com mais de 1 mil pessoas. A determinação também prevê que partidas esportivas, como as celebradas no Camp Nou, sejam jogadas sem a presença de torcedores. (Continua).

  •   Na Polônia, o primeiro-ministro, Mateusz Morawiecki, anunciou o fechamento das escolas a partir desta quinta-feira para conter o avanço do novo coronavírus. O país tem 26 casos do vírus confirmados, mas nenhuma morte. Universidades, cinemas, teatros e museus também deverão ser fechados. (Continua).

     

  •   Ainda na Europa, a Hungria anunciou medidas de restrições a viajantes que vem da Itália, Coreia do Sul, Irã, e China. Além disso, o país deve fechar universidades e banir reuniões públicas.

    Na América do Sul, a Argentina impôs medidas de isolamento obrigatório para viajantes de países onde há casos de circulação do vírus: China, Itália, França, Alemanha, Espanha, Estados Unidos, Coreia do Sul, Japão e Irã.

    Medidas econômicas

    O governo do Reino Unido anunciou que vai aportar 30 bilhões de libras (cerca de R$ 180 bilhões) para combater os efeitos da epidemia de coronavírus. O Banco da Inglaterra (BoE, da sigla em inglês) anunciou que vai reduzir taxa de juros em 0,5 ponto percentual, com redução de 0,75% para 0,25%. A medida surpreendeu o mercado e foi tomada como forma de conter os prejuízos causados pelo novo coronavírus na economia.

    No país, a subsecretária de Saúde, Nadine Dorries, de 62 anos, foi diagnosticada com Covid-19, a doença causada pelo vírus. Em comunicado, Dorries disse que está isolada e que autoridades buscam pessoas com as quais ela teve contato, como exigido pelo protocolo de saúde. O gabinete onde a parlamentar trabalha foi fechado.

    Já na Itália, o governo anunciou uma ajuda excepcional de 25 bilhões de euros (o equivalente a US$ 28,3 bilhões) para lutar contra a epidemia do novo coronavírus, que já deixou mais de 600 mortos no país. Deste valor, metade será destinado ao atendimento urgente e o restante será utilizado em uma fase posterior.

    A Covid-19 também levou o G20 a adiar o encontro de ministros de Agricultura e Água do grupo, que estava marcado para ocorrer entre os dias 17 e 19 na Arábia Saudita. A informação foi transmitida por e-mail da organização, segundo a agência de notícias Reuters. Fonte:  G1.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *