SAÚDE

NA ACADEMIA – após infarto, empresário de 53 anos morre; homem de 31 anos tem mal súbito e é encontrado morto em córrego; Ex-embaixador do Gabão nos EUA morre em reunião de gabinete após ataque cardíaco

Jota Queiroz era dono de uma pousada em Japaratinga. Ele chegou a ser socorrido, mas não resistiu.

Um homem de 53 anos morreu nesta sexta-feira (20) após passar mal quando treinava em uma academia em Maragogi, Litoral Norte de Alagoas. Segundo familiares, o empresário Jota Queiroz Bezerra, dono de uma pousada em Japaratinga, sofreu um infarto.

O Corpo de Bombeiros foi acionado e, quando a equipe de socorristas chegou, constatou que Jota se encontrava em uma parada cardiorrespiratória. Foi necessário reanimá-lo e levá-lo para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Maragogi, mas o empresário não resistiu.

A morte do empresário gerou uma comoção nas redes sociais. Muitas pessoas enviaram mensagens em seus perfis no Instagram e no Facebook lamentando a sua morte. * Que a família seja confortada espiritualmente nesse momento difícil.

 

Homem passa mal e é encontrado morto em córrego de Olímpia

 Homem de 31 anos foi encontrado morto no córrego na noite de quarta, 18.  Segundo informações do boletim de ocorrência, Isac Zimbra Marinho estava no córrego com outras duas pessoas, momento em que sofreu um mal súbito. Policiais militares foram ao local por volta das 21h, onde tinha sido visto pela última vez.

Após o homem passar mal, as duas pessoas que estavam com ele foram até a casa do irmão dele informar sobre o que havia acontecido e o local onde Isac estava.

A Polícia Militar foi até o endereço onde o homem tinha sido visto pela última vez, por volta das 21h. Equipes do Corpo de Bombeiro e da Guarda Civil Municipal (GCM) de Olímpia também foram acionadas para ajudarem nas buscas pela vítima. Momentos depois, o corpo foi localizado.

O homem não apresentava sinais de violência e o caso foi registrado na Polícia Civil como morte suspeita.

O corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) de Barretos. * Que a família seja confortada espiritualmente nesse momento difícil.

 

Ex-embaixador do Gabão nos Estados Unidos morre repentinamente em reunião de gabinete após sofrer ataque cardíaco

 

 

 O governo e o presidente do Gabão confirmaram que o ministro das Relações Exteriores, Michael Moussa Adamo, faleceu de ataque cardíaco durante uma reunião de gabinete na sexta-feira. Ele tinha 62 anos.

“O nosso Ministro dos Negócios Estrangeiros, Michael Moussa Adamo, partiu hoje,” disse Ali Bongo Ondimba, Presidente do Gabão.

Segundo relatos, ele teve um ataque cardíaco durante uma reunião de gabinete. O governo divulgou um comunicado dizendo que, apesar do tratamento profissional, ele foi levado ao hospital e morreu por volta do meio-dia.

Moussa Adamo foi assessor especial do presidente do Gabão, Ali Bongo Ondimba, e embaixador do país nos Estados Unidos por uma década.

Península Qatar relatou :

Moussa Adamo, de 62 anos, aliado do presidente Ali Bongo Ondimba, sofreu um ataque cardíaco e morreu “apesar dos esforços de especialistas” para reanimá-lo, disse o governo em um breve comunicado.

Ele “se sentou no início da reunião de gabinete e começou a se sentir mal”, disse à AFP uma fonte próxima ao palácio presidencial.

Moussa Adamo nasceu na cidade de Makokou, no nordeste do país, em 1961 e começou como apresentador de televisão nacional.

 

Foto: Arquivo pessoal e divulgação.

Fonte: https://g1.globo.com/al/alagoas/noticia/2023/01/20/empresario-morre-ao-sofrer-infarto-em-academia-em-maragogi.ghtml

Fonte 2: https://www.diariodaregiao.com.br/cidades/homem-passa-mal-e-e-encontrado-morto-em-corrego-de-olimpia-1.1041840

Fonte 3: https://www.thegatewaypundit.com/2023/01/ambassador-gabonese-republic-united-states-dies-suddenly-suffering-heart-attack-cabinet-meeting/

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *