SAÚDE

“10 anestesistas recebem sem poder trabalhar em Linhares”, afirma vereador

 “Hoje, existem no Hospital Geral de Linhares (HGL) 10 anestesistas recebendo sem trabalhar por que o centro cirúrgico do hospital não esta funcionando”.

  A afirmação,  é do vereador Carlos Almeida durante sessão da Câmara de Vereadores ontem (4). A  prefeitura informou  que até o mês de dezembro haverá normalidade nos procedimentos – nota no fim do texto. (Continua após o anúncio).

  Segundo o  vereador, ainda, “só na minha especialidade, que é a ginecológica, existe uma fila de 246 mulheres aguardado para fazerem cirurgias de ligadura listadas na Casa Rosa, e outras 72 aguardando cirurgias de períneo, mas não temos como fazer essas cirurgias por falta do funcionamento do centro cirúrgico do hospital.Temos profissionais para operar, mas não temos local para fazer as operações, infelizmente nem o município nem o Estado autorizam fazerem as cirurgias”.  (Continua após o anúncio).

 

 

 

 

 

 

 

  Através de sua assessoria de Comunicação, a prefeitura informou que  “com o objetivo de oferecer aos usuários do Sistema Único de Saúde (SUS) melhorias na assistência, o centro cirúrgico do Hospital Geral de Linhares – HGL passa por readequação do espaço físico e manutenção. A previsão é de que o serviço de manutenção seja finalizado até o início do mês de dezembro. Todas as cirurgias eletivas, sem urgência, que seriam realizadas no centro cirúrgico foram remarcadas.”

 

 

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *