Morre aos 45 anos Dadá Varella, figura ‘presente e resistente’ do samba - CAUSA NÃO REVELADA
OBITUÁRIO

Morre repentinamente aos 45 anos Dadá Varella, figura ‘presente e resistente’ do samba – CAUSA NÃO REVELADA – VÍDEO MÚSICA

 

 

 

 

Morte foi informada pelas redes sociais na manhã desta quarta-feira (1º); amigos, familiares e sambistas lamentaram a perda.

O mundo do samba está em luto em Florianópolis. Luciana Varella, de 45 anos, conhecida como “Dada Varella”, teve a morte anunciada nesta quinta-feira (1°). A causa ainda não foi confirmada.

Presença marcante no Bar do Jeff, Dadá era frequentadora das rodas de samba do Centro de Florianópolis.

Para contar um pouco da história da sambista, o portal ND Mais entrevistou com exclusividade um familiar da compositora.

Resistência de Dadá Varella (Continua).

 

 

“Ela era a única mulher negra da roda de samba. Foi a primeira e única mulher do Morro do Monte Serrat a se jogar no samba”, conta um primo de Dadá.

Segundo ele, Dadá só passou a frequentar rodas de samba mais velha pois sua mãe a proibia de ir nestes espaços e, após o falecimento da mãe, ela decidiu que lá era o seu lugar.

“A gente conversava muito sobre a representatividade dela nas rodas de samba em relação ao cabelo, ao jeito de rir e de se comportar. O samba ainda é um ambiente muito masculino e fazer tudo isso ainda era complicado para ela. Mas sua voz era inconfundível, ela era inconfundível”, comenta.

Dadá havia anunciado diversos shows nos últimos dias e participaria como intérprete de samba na escola Império Vermelho e Branco. Anteriormente, Dadá atuava com o mesmo cargo na Embaixada Copa Lord.

No Instagram, a Império Vermelho e Branco declarou que recebeu a notícia com imenso pesar. O sepultamento e velório  foi  das 11h às 16h, no Cemitério do Itacorubi, local onde Dadá foi enterrada. Foto: Redes sociais. Vídeo: dada Varella Oficial reprodução. Fonte: https://ndmais.com.br/cultura/morre-dada-varella-sambista-de-sc/?fbclid=IwAR1kXz0nF9GnKLRa1pfdNQl6qaD91nba1QnEa71Skt00ou-9EOug8XzBQiM

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *