OBITUÁRIO

Morre, aos 41 anos, ex-artilheiro de seleção na Rússia de infarto – estava jogando bola com amigos quando passou mal

  

O ex-artilheiro da seleção panamenha de futebol Luis ‘El Matador’ Tejada, que disputou a Copa do Mundo de 2018 na Rússia, morreu neste domingo aos 41 anos, anunciou a Federação Panamenha de Futebol (Fepafut).

“A Federação Panamenha de Futebol lamenta profundamente a morte de Luis Carlos ‘Matador’ Tejada Hansell”, postou a Fepafut na rede social X (antigo Twitter).

A entidade destacou que “o maior artilheiro da história da seleção panamenha [foi] peça fundamental na classificação para nossa primeira Copa do Mundo da Fifa de 2018 e sinônimo de desenvolvimento e evolução do futebol em nosso país”.

Segundo a imprensa local, Tejada, nascido em 28 de março de 1982, disputava uma partida de veteranos em San Miguelito, bairro da região metropolitana da capital, quando começou a sentir dores no peito, supostamente por um infarto, o que fez com que fosse levado às pressas para uma clínica, onde morreu.

“É com grande pesar que nos despedimos de Luis Carlos ‘Matador’ Tejada, o lendário artilheiro da seleção panamenha. Seu legado no futebol panamenho durará para sempre. Que ele descanse em paz”, postou também o presidente Laurentino Cortizo no X.

* AFP, via https://gauchazh.clicrbs.com.br/esportes/noticia/2024/01/morre-aos-41-anos-ex-artilheiro-da-selecao-panamenha-luis-tejada-clry0stw2001x01j0jpqbmvzr.html#:~:text=28%2F01%2F2024%20%2D%2018h36min&text=O%20ex%2Dartilheiro%20da%20sele%C3%A7%C3%A3o,Panamenha%20de%20Futebol%20(Fepafut).

Foto: Reprodução Instagram.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *