Geral

VÍDEO – Piranha ataca moradora do Patrimônio da Lagoa em Sooretama

   Uma moradora de Patrimônio da Lagoa, em Sooretama, no Norte do Estado, teria sido mordida por piranhas quando banhava-se nas águas da Lagoa Juparanã, a segundo do País em volume de água. O fato teria acontecido ontem (6). (Continua após o anúncio). Vídeo abaixo.

 O autor do vídeo – que viralizou nas redes sociais –  conta que a moradora do patrimônio, identificada como Maria Antônia América dos Santos, teria ido ao manancial banhar-se devido a falta de água nas torneiras há mais de 24 horas na localidade. (Continua após o anúncio).

 Ao entrar nas águas do manancial, conta ele, a mulher teria sido mordida em uma das mãos. Não se sabe se a mulher procurou atendimento médico. O autor do vídeo fez alerta para que os frequentadores da Juparanã tenha cuidado ao entrar em suas águas. (Continua após o anúncio).

 

  Procurada por Radar Geral na noite de hoje a secretária do Meio Ambiente de Sooretama, Dolores Colle, disse “desconhecer o ataque”.  “Ontem estivemos na localidade e nada nos foi relatado sobre isso”, afirmou. Doleres afirmou ainda não possuir  conhecimento de outros ataques na localidade. (Continua após o anúncio).

 

  O secretário do Meio Ambiente de Sooretama, Fernado Camilleti, explicou que “que o apagão ocorrido ontem no Estado danificou a bomba  que abastece o sistema de tratamento de água no Patrimônio da Lagoa e, por isso, o abastecimento ficou comprometido”.

 Segundo Camilleti, “com a enchente da Lagoa, ocorrida no ano passado, a prefeitura teve que mudar o local de captação. Acho que, dessa forma, acabou contribuindo para o problema. Ontem, a Fundação Renova esteve no local”, disse. Até essa postagem não foi possível entrar em contato com a Fundação Renova para ela comentar sobre o assunto.

 Em todo o País, são registrados mais de dois mil ataques do peixe a humanos. As piranhas são um grupo de peixes carnívoros de água doce. Habitam alguns rios da América do Sul e pertencem a cinco gêneros da subfamília Serrasalminae (que também inclui peixes como pacus). Na região central do Brasil, assim como no Pantanal e na Amazônia, a piranha é um alimento entre as populações locais, sendo utilizada no preparo do prato sul-mato-grossense conhecido como caldo de piranha.

 

 

Um comentário em “VÍDEO – Piranha ataca moradora do Patrimônio da Lagoa em Sooretama”

  1. Essa Dolores que dize que secretaria de meio ambiente não sabe de nada ataques de piranhas
    Não são continus aqui mas eu já fui atacado
    Por piranha na beira da prai aqui em patrimônio da lagoa e conheço mas pessoas também inclusive me sogro as piranha estão si reproduzindo devido água para pq já 4 anos que a nossa juparanna
    Tá cheia e represada por causa da baragem que Samarco colocou no Rio pequeno pra impedir
    Que a lama cheguei aqui devido a água está para 4 anos isso ajudar na reprodução das piranha pq água fica parada e muito Quente e água muito quente cem circulação ajuda na reprodução das piranha pq as piranhas ataca mais na beirada pq é aonde elas coladas as ovas pra reprodução mais isso é uma coisa natural mais tem um porém pq si lá no Rio pequenorstivecer aberto teria bem menos piranha pq elas estão presa dentro da lagoa juparanna pq si tive aberto elas iriam migrar pra outras lagoa e iria subir o Rio doce canais e outras lagoas si não tive a baragem da Samarco então elas estão presas dentro da jupanaram aqui tá virando um criatorio de piranha pq ela e pouco pesca pq ela destrói muito a rede dos pescadores quem é pescador sabe do que tô falando enquanto lá não abria a baragem a tendência é só piorar
    Essas Dolores não sabe de nada …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *