RIO DOCE BAR]AO DE COCAS BARRAGEM PERIGO RADARGERAL.COM
Geral

PERIGO EMINENTE – Rio Doce pode ser afetado em caso de rompimento da barragem de Barão de Cocais

Anúncio foi dado pela Defesa Civil de Minas Gerais. Rejeitos podem alcançar o Rio São João, pertencente à bacia do Rio Doce.

Em caso de rompimento da barragem Sul Superior da Mina Gongo Soco, em Barão de Cocais, na Região Central do estado, o Rio São João, que pertence à bacia do Rio Doce será atingido. O anúncio foi feito pela Defesa Civil na tarde desta sexta-feira. De acordo com o órgão, a estimativa é que 1,2 quilômetro separe o topo da barragem e o Rio São João.

 Na madrugada desta sexta-feira, sirenes tocaram na cidade e pelo menos 239 pessoas tiveram que deixar suas casas. Segundo a Vale, também responsável pela barragem que se rompeu em Brumadinho, na Grande BH, a decisão é preventiva e ocorreu após a consultoria Walm negar a Declaração de Condição de Estabilidade à estrutura.

As sirenes teriam tocado por volta da 1h e o plano de emergência foi acionado nas comunidades de Socorro, Tabuleiro e Piteiras. Barão de Cocais fica a 100 quilômetros da capital mineira. As pessoas foram levadas para o Ginásio Poliesportivo de Barão de Cocais.

A Vale diz que a barragem Sul Superior é uma das 10 a montante inativas remanescentes da mineradora, e que faz parte do plano de descomissionamento divulgado em 29 de janeiro, quatro dias após o rompimento da barragem em Brumadinho, que matou mais de 150 pessoas. Ainda segundo a Vale, a mina de Gongo Soco produzia minério de ferro e foi paralisada em abril de 2016.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *