Fernando: "Nunca vi tanta negligência, uma família inteira com dengue e a prefeitura nem deu atenção"
Geral

Família inteira contrai dengue em Linhares (ES) e filho reclama de descaso da prefeitura do município

Os sintomas começaram a aparecer há oito dias e uma agente do setor esteve na residência da família uma única vez .

Os familiares disseram ao Radar Geral  que a funcionária  da Vigilância  Epidemiológica ficou de mandar o carro fumacê, mas há quase três dias ninguém da prefeitura retornou a  residência na área central da cidade .

 

Fernando: "Nunca vi tanta negligência, uma família inteira com dengue e a prefeitura nem deu atenção"
Fernando: “Nunca vi tanta negligência. Uma família inteira com dengue e a prefeitura nem deu atenção. É muita irresponsabilidade num espaço só”

Uma família inteira – de cinco pessoas -, na Avenida Beira Rio,  contraiu dengue em Linhares, no Norte do Espírito Santo, e reclamam de total falta de assistência da prefeitura do município. Informações ainda não confirmadas, dariam conta que em todo o município dezenas de pessoas contraíram a doença.

Conforme Radar Geral apurou, foram confirmados vários casos de dengue ainda no Distrito de Bebedouro, Interlagos, São José e outros.

“É uma total falta de responsabilidade por parte da prefeitura com cinco casos confirmados aqui em casa. Veio uma agente do setor que ficou de comunicar seus superiores para mandar o carro fumacê e encontrar o foco. Já se passaram quase três dias e nada. Descaso total com a saúde de outras pessoas pois outros moradores poderão contrair a doença”, desabafou Fernando Correia (foto).

Casa da família na Avenida Beira Rio
Casa da família na Avenida Beira Rio

Fernando, que é técnico em Radiologia do Hospital Roberto Arnizaut Silvares, em São Mateus (ES), começou a sentir os primeiros sintomas juntamente com o pai O. de 74 anos; a mãe T., de 71; o irmão F., de 46; e a nora M., de 16. há oito dias, quando procurou o Hospital Geral de Linhares (HGL). Segundo ele, por orientação do médico que o atendeu vem tomando Paracetamol e bebendo bastante líquidos.

Nossa reportagem entrou em contato com o secretário de Saúde de Linhares, Waldir Massuccatti para saber dele quantas pessoas contraíram a doença no município e ainda sobre as queixas de Fernando Correia que acusa a municipalidade de negligência. Massucatti chegou a atender a chamada, alegou que estaria em uma reunião e não podia falar no momento. O secretário ficou de retornar, mas até a postagem desse conteúdo não retornou. A reportagem ainda tentou falar com o setor  responsável pela Vigilância no HGL, mas as chamadas direcionadas ao  ramal não foram atendidas.

Aedes-aegypti, transmissor da dengue em Linhares es
Aedes-aegypti, transmissor da dengue em Linhares es

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *